Avaliações de clientes

50 PRINCIPAIS AVALIADORES
Avaliado no Brasil em 9 de fevereiro de 2018
Nós, é a primeira distopia futurista. E serviu de base para Aldous Huxley escrever "Admirável mundo novo", assim como para George Orwell escrever "1984". Somente por isso, é um livro que já merece ser lido.
Também é muito citado em "Cegueira líquida", de Zygmunt Bauman.

Esta diferente e bonita edição contém o prefácio escrito por George Orwell em 1946 e também uma carta do autor, Zamiátin, a Stalin, pedindo para deixar o país, onde era perseguido por causa de suas obras (pelo próprio Stalin).
A história trata de um funcionário importante no governo totalitário do "Benfeitor" (como era chamado o líder supremo). Assim como em várias outras distopias, o personagem principal se vê de repente insurrecto ao sistema.
E, também como nas outras utopias, envolvido por uma mulher. Mas veja bem: Não foi Zamiátin que pegou essas ideias das outras distopias, mas o contrário.
Contudo, como obra literária, o trabalho feito por Huxley e por Orwell certamente é melhor.
Mas não existiriam não fosse a criativa e original ideia trazida por Zamiátin,
Por fim, achei a história um pouco confusa. Nada que atrapalhe o entendimento geral do livro e das ideias ali contidas. Mas ainda confuso.
Obra histórica, merece presença nas melhores estantes.
75 pessoas acharam isso útil
Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,6 de 5 estrelas
4,6 de 5
1.264 classificações globais