Avaliações de clientes

100 PRINCIPAIS AVALIADORES
Avaliado no Brasil em 15 de janeiro de 2020
Fala galera, hoje vamos para a resenha do sexto livro da série The Witcher. Claro que praticamente sem spoilers.
.
Nesse livro vamos ver que as aventuras de Ciri com os Ratos finalmente chegou ao fim, infelizmente de uma maneira extremamente dolorosa, não só para ela, como para todos do grupo. O problema é que para a garota, além das feridas físicas, ficaram também as emocionais. Afinal ela perdeu pessoas que gostava de forma brutal e acha que os que deveriam protege-la lhe abandonou.
.
Tudo isso devido a um sujeito enorme parecendo uma vara de tirar caju chamado Bonhart, um caçador de recompensa inescrupuloso e psicopata que ao descobrir quem Ciri realmente é decide lucrar com a situação para poder se aposentar no futuro.
.
O que ela não sabe é que a um bom tempo Geralt e sua turma busca desesperadamente por ela. Mas agora outros perigos rondam o bruxo, pois quando eles finalmente conseguem uma rota concreta para seguir, eles descobrem que inimigos antigos estão em seu encalço. E para piorar, depois dos acontecimentos no final do último livro, Yennefer é dada como morta.
.
Bem, esse livro retoma a ação e ritmo frenético depois de um pouco de calmaria do volume anterior. É quase impossível parar de ler. A curiosidade para saber o que aconteceu com Ciri é grande e prende o leitor.
.
Ao mesmo tempo, a falta de linearidade está presente novamente. Quem já leu sabe como isso é comum nessa saga, mas que não é nada que atrapalhe, e se você chegou até aqui com certeza não vai ficar nem um pouco perdido quanto a isso.
.
O final é espetacular e deixa aberto para a conclusão da saga no próximo volume. Espero não demorar de ler. Que venha a Senhora do Lago.
4 pessoas acharam isso útil
Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,9 de 5 estrelas
4,9 de 5
1.220 classificações globais
5 estrelas
92%
4 estrelas
6%
3 estrelas
2%
2 estrelas 0% (0%) 0%
1 estrela 0% (0%) 0%