Avaliações de clientes

Avaliado no Brasil em 4 de abril de 2019
O brilhantismo da obra de Fiodor Dostóievski (1821-1881) é indiscutível tal qual sua influência sobre grandes escritores, como Proust, Faulkner e Camus. Entretanto, não é tão fácil apontar seu melhor livro e entre alguns títulos, frequentemente “Crime e Castigo" é considerado o favorito.

Uma boa prova é o interesse que o romance desperta nos leitores brasileiros que de ora em diante, terão à disposição uma nova tradução direto do russo - a terceira - que, lançada pela Editora Todavia, é de autoria do professor e escritor Rubens Figueiredo. A primeira tem dezoito anos e, publicada pela Editora 34, foi realizada pelo historiador, filólogo e crítico literário Paulo Bezerra, enquanto que a segunda completa seis anos e é do poeta e tradutor Oleg Almeida.

Este último parágrafo dá margem a duas relevantes perguntas:
* Qual é a importância por escolher uma tradução direto do russo?
De acordo com Bruno Gomide, professor de literatura russa da USP, “ela não é luxo, pois mostra contornos que ficariam embaçados em versões indiretas. Um dos mais beneficiados é justamente Dostoiévski, o mais comentado ficcionista russo pela crítica de nosso país e também o mais cercado por lugares-comuns."
* Entre as três traduções, qual escolher?
Todas se destacam pela qualidade. Não há melhor nem pior, em suma, elas são diferentes, pois carregam a maneira do tradutor realizar seu trabalho. Paulo Bezerra é um paraibano conhecido pela pelo abrasileiramento do texto; o bielorrusso Oleg Almeida e Rubens Figueiredo destacam-se pelo rigor e fidelidade que lidam com o original. Particularmente, recomendo o último que já me encantou com suas traduções de “Anna Karenina”, “Guerra e Paz, “Pais e Filhos” e “Oblómov”, todas pela editora Cosac & Naify.

A respeito desta edição, ela é apresentada pelo próprio Rubens Figueiredo e o texto não deve ser deixado para trás, pois permite ao leitor obter uma compreensão mais abrangente de “Crime e Castigo”. Ela também apresenta dois mapas da cidade de São Petersburgo de meados do século XIX, uma lista de leituras referentes a Dostoiévski e sua obra além das biografias do escritor e tradutor que se caracterizam pela brevidade.

Finalmente, optei pelo e-book que, com preço bastante acessível, recomendo.
403 pessoas acharam isso útil
Informar abuso Link permanente

Detalhes do produto

4,8 de 5 estrelas
4,8 de 5
996 classificações globais